quarta-feira, 24 de março de 2010

Um fóssil na Presidente Vargas

Lei nº 8689, de 27 de julho de 1993


Dispõe sobre a extinção do Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social (Inamps) e dá outras providências.


O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1º Fica extinto, por força do disposto no art. 198 da Constituição Federal e nas Leis nºs 8.080, de 19 de setembro de 1990, e 8.142, de 28 de dezembro de 1990, o Instituto Nacional de Assistência Médica da Previdência Social (Inamps), autarquia federal criada pela Lei nº 6.439, de 1º de setembro de 1977, vinculada ao Ministério da Saúde.




Depois ainda dizem que nós não preservamos nosso patrimônio histórico...

3 comentários:

Tanto disse...

Sempre que volto para o Banco, do almoço lá no Largo da Palmeira, vejo esse letreiro. Outro dia, inclusive, perguntei para os meus estagiários o que era e alguns não sabiam. Me senti velho.

Carlos Barretto disse...

E se vc reparar bem, trata-se de um fóssil sobre outro. Atrás do já antigo letreiro, pode-se ver com alguma boa vontade, a designação do antigo instituto que o derivou: INPS.

Abs

Belenâmbulo disse...

Fernando,
Eu estava acostumado a me sentir jovem, quando colegas falavam sobre coisas que só conhecia através do Vídeo Show, pois "não eram do meu tempo", como Saramandaia, Secos e Molhados, Vila Sésamo etc e tal. Entretanto, no meu caso também são cada vez mais frequentes situações em que comento sobre eventos que testemunhei, e me respondem: "não me lembro", ou pior, "eu não era nem nascido"...
A propósito do almoço no Largo da Palmeira, conhece o Govinda? Fica na Padre Prudêncio, ao lado da defensoria pública. De vez em quando almoço por lá.

Barretto,
Meus olhos não chegam aos pés de sua visão de raio-X e carbono-14. Enxergo alguma coisa descascada por trás das letras, mas esgotei minha boa vontade e não consegui ver o que você viu...

Abraços