segunda-feira, 2 de março de 2009

Esporte radical em dia chuvoso

Caminhar pela calçada ao lado de poça d'água em avenida movimentada

2 comentários:

Frederico Guerreiro disse...

Sabe o que é pior? Eu tenho carro com ar-condicionado e quase sempre ando de vidros fechados, ainda mais quando está chovendo. Mas na semana passada, depois daquela chuvada do início da tarde, e de saco cheio de andar o tempo todo trancado, foi só eu abrir a janela enquanto passava aqui pela nossa Rodolfo Chermont para levar um banho de lama de um cidadão que passou a toda do meu lado. Tive de voltar em casa para trocar de camisa.
Mas os pedestres sofrem bem mais, é verdade. A cidade não se desenvolveu para eles. Só para os carros.
Abraço

Belenâmbulo disse...

Prezado Frederico,
Já tive oportunidade de molhar e de ser molhado (como pedestre e como motorista, numa situação semelhante à que você viveu).
Todas foram desagradáveis, mas o pior sempre sobra para o pedestre, sem dúvida.

Abraço