domingo, 1 de março de 2009

É do peru

Postada originalmente no Arbítrio do Yúdice.

-----------------------------------------------------------------------------------
Especialmente para o Belenâmbulo.
Há alguns dias, quado trafegava pela Almirante Barroso, deparei-me com esse ônibus que aparece aí na imagem.Chamou-me a atenção que o nome da empresa não aparece por inteiro em parte nenhuma do veículo - apenas o prefixo "trans" seguido da imagem de um peru. Só pude entender que a transportadora se chama Transperu e quis ser original na identificação. Mas por que diabos alguém chamaria a sua empresa de Transperu?
Completam o visual cheio de peruzinhos duas mensagens: uma de gratidão a Jesus (talvez por ter conseguido botar o peru para rodar por aí) e uma pela preservação da natureza (quiçá para que ninguém maltrate o peru).
Infelizmente, ao chegar à Praça do Operário, em São Brás, o motorista do perubus fez uma barbeiragem e atrapalhou quem vinha atrás.
Se alguém puder me esclarecer se é esse mesmo o nome da empresa e, principalmente, o motivo dessa escolha, agradeço. Sou compulsivo. Essa dúvida me oprime há mais de uma semana.

3 comentários:

WAGNO disse...

Esse onibus ai faz a linha belem-Turiaçu no maranhao e a empresa eh de la tambem...

Belenâmbulo disse...

Prezado Wagno,

Agradeço pela visita e pelo esclarecimento.
O nome da empresa é TransPeru mesmo?

Abraço

Luiz Lira disse...

Prezado Wagner:

Observando algumas de suas postagens antigas me deparei com essa. O nome da empresa é realmente Transperu, e realmente como contou o Wagno acima, faz a linha Belém-Turiaçu(MA). Este nome é em "homenagem" ao proprietário da frota, cujo o apelido é o mesmo que denomina tal ave. Na verdade são três irmãos com apelidos avícolas: Peru, Galo e o Tucano. Os três trabalhavam juntos na transperu, mas uma briga entre o peru e o tucano causou a dissidência do ultimo, gerando a empresa concorrente a Transperu na linha Belém-turiaçu: A transtucano. O Galo continua trabalhando juntamente com o Peru (pelo menos até o ponto em que ocorra um "arranca-pena" entre os dois...rsrs). Meus sogros são naturais da tal cidadezinha do interior maranhense, e que como todo lugarejo interiorano que se preze, mantém como traço marcante a afinidade bastante acentuada entre praticamente todos moradores do município.