terça-feira, 3 de março de 2009

DVD's para todos os gostos

Como sempre, o mercado informal se adequou rapidamente à nova conjuntura macroeconômica.

É isso aí!
Diversificar a oferta para enfrentar a crise mundial!

7 comentários:

Scylla Lage Neto disse...

Wagner, como o mercado informal reflete a realidade nua e crua, aí temos um puríssimo exemplo: o nu e o cru, lado a lado.
Imagem forte.
Abs.

Belenâmbulo disse...

Prezado Scylla,
É realmente impressionante a capacidade instintiva de adaptação do mercado informal às caóticas variações de humor da economia global. Enquanto eu me preocupo com direitos e deveres, impostos, datas de vencimento, cumprimento às regras, projeções e indicadores... eles simplesmente vão lá e fazem.
Mercado informal... Boa ideia! Pretendo explorar mais o tema. Até porque, nesse aspecto, nossa cidade é rica em imagens para ser captadas.

Abraço

Scylla Lage Neto disse...

Poucos lugares do mundo são tão "informais" quanto à nossa cidade. Imagine se há lugar melhor para escolher um autêntico DVD piratex do que no cachorro-quente do André, na Bernal do Couto. Nem na China!
Abs.

Frederico Guerreiro disse...

...como se a bolinha preta impedisse alguma coisa.

Belenâmbulo disse...

... foi para proteger as crianças que leem este blog.

Frederico Guerreiro disse...

O problema é a criança achar que aquilo é um buraco negro. Quem vai explicar? rss...

Belenâmbulo disse...

Aí você responde: "buraco negro é uma região do espaço onde o campo gravitacional é tão forte, que, depois que entra, ninguém consegue sair lá de dentro"